Entrevistando

Entrevista Aline Araújo

Por FTD Educação

Estimativa de leitura: 3min 16seg

17 de janeiro de 2024

A antologia A disponibilidade da alma celebra a carreira de Marina Colasanti, uma das mais importantes vozes da literatura brasileira, em uma seleção exclusiva de gêneros textuais variados. 

Alimentada com livros desde a infância, Marina é autora de mais de setenta livros e, após ter sido premiada várias vezes, tornou-se hors-concours do Prêmio da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ).  

Por isso, resumir a sua trajetória em poucos textos é um verdadeiro desafio que foi cumprido com maestria por nossa editora Aline Silva de Araújo. 

Aline faz parte da FTD Educação desde 2014, quando iniciou na área de revisão de didáticos, já interessada na produção da equipe de literatura. Nesta época, ela descobriu a Breve história de um pequeno amor, de Marina Colasanti, vencedor do prêmio Jabuti nas categorias Infantil e Livro do Ano de Ficção, e desde então ficou encantada com o catálogo e o potencial da área.  

Após algum tempo, migrou para o então departamento de projetos especiais e literatura como preparadora e, anos depois, passou para a função de editora-assistente, na qual teve o prazer de trabalhar em mais uma obra de Marina pelo nosso selo. 

Neste bate-papo conversamos com Aline sobre a experiência de trabalhar como editora na antologia de uma autora tão renomada quanto Marina Colasanti. 

Como foi receber a missão de acompanhar a produção da antologia A disponibilidade da alma, que condensa os mais de 50 anos de carreira de Marina Colasanti? 

Foi uma honra. Desde a infância sou admiradora de Marina Colasanti, suas obras fizeram parte de minha formação como leitora. Ao acompanhar a produção da antologia, tive, ao mesmo tempo, a oportunidade de reler textos que resgataram memórias e emoções antigas e descobrir aspectos da escrita de Marina que me foram revelados em conversas enriquecedoras com a professora Vera Maria Tietzmann Silva, selecionadora dos textos.   

Quais são os principais assuntos e sentimentos que permeiam a obra de Marina e estão presentes em A disponibilidade da alma 

A busca de identidade, a condição feminina e as memórias de infância são exemplos de assuntos que perpassam a obra de Marina e estão presentes nos diferentes gêneros textuais contemplados em A disponibilidade da alma.    

Dos textos presentes nessa antologia, tem algum que ganhou uma nova interpretação à luz dos dias atuais?  

Eu destacaria a crônica “Eu sei, mas não devia”. Esse texto foi escrito em 1972 e, com o passar do tempo, torna-se cada vez mais urgente e atual. Nele, Marina menciona situações rotineiras com as quais infelizmente nos acostumamos, embora sejam muitas vezes absurdas ou sem sentido. A leitura de “Eu sei, mas não devia” nos leva a refletir, por exemplo, sobre o automatismo do cotidiano, a sociedade de consumo, a crise ambiental e a existência de guerras – assuntos lamentavelmente atuais. 

Com A disponibilidade da alma uma nova geração vai ter a oportunidade de conhecer melhor a obra de Marina Colasanti. Na sua opinião, o que conquista, inspira e emociona os leitores de Marina? 

Uma das riquezas da escrita de Marina e que foi cuidadosamente explorada em A disponibilidade da alma é sua versatilidade. Ela compõe com maestria contos maravilhosos, minicontos, poemas, crônicas, ensaios e memórias. O leitor será conquistado por essas diferentes formas de escrita, que, ao mesmo tempo, têm características próprias dos gêneros a que pertencem e se aproximam pelas temáticas ou pela linguagem. O olhar aguçado de Marina, as imagens inesperadas que ela cria, sua precisão na escolha das palavras, seu tom reflexivo são alguns dos elementos que encantam seus leitores. 

O que achou dessa matéria?

O que achou dessa matéria?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.3 / 5. Número de votos: 3

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

mais recentes
Conteúdo para Aulas
Como trabalhar a Semana do Meio Ambiente na Escola   
Como trabalhar a Semana do Meio Ambiente na Escola   
Conteúdo formativo
ESG na Educação: acessibilidade digital e inclusão na prática  
ESG na Educação: acessibilidade digital e inclusão na prática  
Dicas
Curso de Letras: para além da carreira de professor 
Curso de Letras: para além da carreira de professor 

Olá! Que bom ter você conosco! :)

O Conteúdo Aberto oferece gratuitamente conteúdos com curadoria pedagógica para estudantes, escolas e famílias.
Para ter acesso aos melhores conteúdos, efetue seu login ou cadastro:

Olá! Que bom ter você conosco! :)

O Conteúdo Aberto oferece gratuitamente conteúdos com curadoria pedagógica para estudantes, escolas e famílias.
Para ter acesso aos melhores conteúdos, efetue seu login ou cadastro:

Olá! Que bom ter você conosco! :)

O Conteúdo Aberto oferece gratuitamente conteúdos com curadoria pedagógica para estudantes, escolas e famílias.
Para ter acesso aos melhores conteúdos, efetue seu login ou cadastro: